Badisch-Südbrasilianische Gesellschaft
 

 

Brasileiro de 22 anos de idade trilha seus antepassados

Karlsdorf 28.01.2010-
Quem é de Santa Catarina e possue o sobrenome Schlindwein, vindo para a Alemanha, sabe que estará sempre bem acolhido em Karlsdorf-Neuthard. Essa também foi a impressão do jovem Gustavo Schlindwein Garcia, que atualmente está em Munique estudando Ciência da Comunicação e deseja trabalhar em jornalismo. Ele realizou seu desejo em conhecer a terra natal de seus antepassados, passando alguns dias em Karlsdorf-Neuthard.
O simpático Brasileiro ficou positivamente surpreso quando Alois Riffel lhe elucidou como em 1860, o então com 14 anos de idade Ignaz Schlindwein com sua mãe, emigraram de Karlsdorf para o Brasil, fundando assim a linhagem de Luis Gustavo.
Os membros da BSG constataram que, o infelizmente já falecido Herbert Schlindwein, oriundo do Brasil e já por várias vezes visitante em Karlsdorf, era tioavô do jovem Luis Gustavo. Após uma tour pela cidade, rápida visita ao prefeito, um encontro com membros jovens da BSG, o passeio seguiu, como não podia deixar de ser, e a pedido do visitante, em direção a antiga Dettenheim. Luis Gustavo ficou entusiasmado e deseja um dia retornar!


 

Luis Gustavo Schlindwein Garcia (ao centro) mostrou muito interesse nas ligações entre Baden e o Sul do Brasil.
 


notícia anterior próxima notícia
voltar ao topo
 
 
    Version 2.85  vom  22.07.2021
© 2021 Badisch-Südbrasilianische Gesellschaft e.V.